12 Lições de Bill Gates sobre Empreendedorismo!

692

Bill Gates dispensa qualquer apresentação. O homem mais rico do mundo criou a Microsoft, uma das empresas mais importantes da modernidade. A maior parte da humanidade viva atualmente já usou algum produto criado por ele. Por isso quando alguém como Bill Gates, que causou tanto impacto assim no mundo tem algo a falar, devemos dar ouvidos.

Lição 01

Negócios não são tão complicados assim

Pegue as vendas, os custos e tente obter um número positivo no final.

Muitas pessoas vivem fazendo “negócios” suficientemente complexos que te faz, como dono de uma empresa, sentir necessidade de contratar os seus serviços. O trabalho destas pessoas é complicar os negócios, quando na verdade as coisas são bem mais simples.Muitas vezes os sócios de uma empresa precisam apenas se esforçarem para vender mais. Mas ao invés disso eles estão gastando muito tempo [e dinheiro] em reunião inúteis com consultores.

Lição 02

Nos meus ciclos mentais, eu devoto talvez 10% para pensar em negócios.

[Jonh Malone] e eu somos muito parecidos. Ele trabalhou na Bell Labs e entende tanto de negócios quanto de tecnologia.

Não é suficiente pensar apenas em negócios ou apenas na parte operacional. Os empreendedores bem sucedidos como Bill Gates entendem das duas coisas de uma maneira profunda. Mas eles passam muito mais tempo pensando nos produtos ou serviços que irão oferecer, do que em estratégias de negócios, estrutura e operações. Estes empreendedores também tem uma noção muito clara das seus círculos de competência, isto é, onde eles são bons e onde eles devem delegar para outra pessoa.

Lição 03

Ser visionário é trivial. Ser um CEO é difícil. Tudo que você deve fazer para ser um visionário é dar aquele velho discurso de que tudo é possível, tudo irá mudar. Todo mundo sabe disso. O que é diferente de ser o CEO de uma empresa e saber onde estão os lucros.

Um CEO extravagante frequentemente está nos holofotes, mas não sempre. Alguns parecem ser habilidosos mas estão surfando no trabalho do CEO que estava na sua posição antes dele. Bill Gates criou a Microsoft do zero e a manteve viva ao longo de décadas. Ele é um CEO que provou a sua habilidade. Um CEO visionário pode ser atrelado a empresa com pouco ou nenhum lucro significante. Mas o que importa de fato são os resultados, não as palavras.

Lição 04

Se você não estiver trabalhando com medo o tempo inteiro, você já era.

Fossos (vantagem competitiva sustentável) não duram para sempre a menos que você esteja trabalhando constantemente para mantê-lo, já que eles inevitavelmente atrofiam. Se você ainda não tem um fosso, você está ainda mais exposto aos seus concorrentes. Os negócios de tecnologia são únicos que, devido a sua economia de escala, a demanda pode mudar de maneira não-linear. Neste negócio em particular, você pode perder todo o seu mercado por causa de um erro cometido cinco anos antes.

 Lição 05

Propriedade Intelectual tem a mesma vida útil de uma banana.

A propriedade intelectual pode ser usada para se criar um fosso, mas tem prazo de validade limitado. Se você não está investindo constantemente para renovar a sua propriedade intelectual, sem um fosso de qualquer outro tipo, você está fora do mercado. Melhor ainda, invista constantemente para criar novas propriedades intelectuais para substituir o que irá inevitavelmente expirar. Bill Gates fez isso e está aí para provar que deu certo.

 Lição 06

Estoque é o matador de valor. É por isso que a indústria da computação é tão estranha. Nós estamos lidando com um grande acréscimo de estoque.

Vendo uma indústria que tem um crescimento de estoque assim tão rápido, geralmente isto é muito ruim, como quando os pneus radiais de carro foram inventados, as pessoas não passaram a dirigir mais os seus carros, o que significa que a necessidade de produção despencou, e as coisas ficaram bem ruins. A indústria de pneus ainda está ruim.

A visão de Bill Gates é inversa a visão de George Gilder durante a época da bolha ponto com. Algumas vezes o rompimento causado por um acréscimo de estoque beneficia apenas os consumidores, e os produtores acabam sem nada. Muitas vezes um rompimento de um mercado cria valor e oportunidades que podem trazer ou não resultados para as fornecedoras do produto ou serviço.

Lição 07

A poder do boca a boca é a principal coisa na nossa indústria. E a propaganda está aí para estimular o boca a boca, para fazer com que as pessoas falem sobre “este último lançamento”.

Pagar para obter consumidores é essencial para qualquer negócio. Mas os consumidores adquiridos organicamente são mais valiosos e mais fiéis. E geralmente são os que geram mais receita para uma empresa.

Lição 08

Os seus clientes mais insatisfeitos são as melhores fontes de aprendizados.

Não há limite para o quanto um produto ou serviço possa ser aperfeiçoado. A disfunção dentro de uma empresa é a melhor medida em relação aos seus concorrentes. Não existe uma empresa perfeita em todos os processos e isso cria oportunidades.

Lição 09

É bom celebrar o sucesso, mas é mais importante prestar atenção as lições dos fracassos.

Existe muitas lições sobre os perigos do sucesso, e Henry Ford é uma delas.

A falha é uma oportunidade para aprender. Quanto mais você aprende na vida, mais você o quão pouco sabe e que existe coisas que você nunca irá conhecer. O que você atribui ao sucesso pode ser sorte, e vice-versa. Sucesso em uma área não é igual sucesso em todas as outras. O sucesso pode fazer você ter a síndrome do “homem com um martelo (tudo se parece com prego)”.

 Lição 10

A perseverança tem sido característica do nosso grande sucesso.

Crescer no meio de tantos competidores requere resiliência e casca grossa. Steve Ballmer, sócio de Bill Gates, disse certa vez: “Não importa se iremos bater a nossa cabeça e cair. Nós continuaremos batendo e batendo e batendo e batendo.”

Lição 11

Se você olhar para a gente do ponto de vista financeiro nós seremos mágicos, mas nós fizemos muitos produtos que não deram certo.

É a magnitude da correção, não a frequência da correção que mais importa. Warren Buffett disse que para se ter sucesso como investidor, não é necessário muitos acertos. Basta ter poucos acertos maiores. Os grandes CEOs e empreendedores pensam em termos de valores em potencial.

 Lição 12

Eu passo muito tempo lendo.

A melhor maneira de acelerar o aprendizado (o que frequentemente vem de aprender com os sucessos e erros de outros) é ler muito e diversificadamente. Aprender com os erros dos outros é muito mais proveitoso do que aprender com os próprios erros.

Warren Buffett também passa a maior parte do seu dia lendo. Será que é por isso que tanto ele, quanto Bill Gates estão entre os 5 homens mais ricos do mundo?

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA