5 Lições sobre Empreender de Mentores Bilionários

440

Se você buscar na internet dicas para empreender, você poderá irá ler para sempre, pois são infinitas.

Infelizmente, muitas destas dicas não tem muita qualidade e vem de pessoas que não são de fato bem sucedidas. Para mim, “o quem” por trás do conselho importa mais do que “o que”, porque ultimamente, você tem que acreditar que a pessoa que está dando o conselho realmente passou pelo que você está passando.

É por isso que eu construí a estratégia da minha startup usando conselho de bilionários como o Mark Cuban e Richard Branson. Eu posso comparar as minhas ideias com as deles, confiando na experiência e sucesso que eles tiveram ao empreender, e saber se eu estou no caminho certo.

Então eu vou compartilhar as cinco lições mais importantes extraídas do blog Entrepreneur destes mentores bilionários.

1. Construa algo que de fato resolva algum problema.

Se você quer empreender, e montar um negócio sustentável que tenha algum valor, adote uma estratégia de “resolvedor de problemas” no seu empreendimento. As empresas mais bem sucedidas do mundo surgiram por atender reais necessidades e acabaram criando oportunidades e valores para os clientes. Inovação é apenas o processo de resolver problemas de maneira criativa e diferente de qualquer coisa que tenha sido feita ou imaginada anteriormente.

2. Vá a falência rápido.

A sua primeira tentativa para desenvolver o produto certo que faça sucesso no mercado provavelmente não dará certo. Quanto mais cedo você entender isso, mais rápido você descobrirá aquilo que vai dar certo. Portanto, o segredo é repetir várias vezes. Construir algo que trará valor para o mercado irá requerer muitas tentativas e erros. Isto foi o que aconteceu comigo ao empreender, e em todas as empresas que criei.

3. Monte uma excelente equipe e você acabará com um excelente produto ou serviço.

A maioria dos empreendedores pensam que a única coisa que importa em uma startup é a ideia. Não é. Inicialmente, a maior parte das ideias não funcionam e acabam criando produtos que não se encaixam no mercado.

Investidores como o Cuban e Branson se importam com a equipe tanto quanto a ideia. Se você tem um time que sabe resolver o problema e é perseverante, você poderá fazer brainstorm, refazer e criar protótipos até surgir a ideia certa. A equipe certa tem uma mistura certa de atitude, inteligência, perseverança, e conhecimento. Os investidores reconhecem tais características quando as vêem.

4. Crie uma cultura desde o começo.

A cultura é a fundação da sua empresa, e cultura vem de pessoas, não de teorias. Hoje em dia, eu sigo a fórmula SWAN (ITAL): Inteligente, Trabalha Duro, Ambicioso, Legal. Se você contrata pessoas assim desde o começo, a cultura da sua empresa será orgânica e se criará por conta própria. Afinal, a cultura dará à sua empresa fôlego para passar pelos momentos mais difíceis do empreendedorismo.

5. Não tenha medo de ultrapassar limites.

Tanto Mark Cuban quando o Richard Branson disseram que as empresas mais bem sucedidas do mundo criaram um legado quebrando regras e não seguindo crenças ou pensamentos comuns. Quando você pensa de maneira não-convencional ao empreender, a verdadeira inovação e disrupção poderão ocorrer. Chame de transformação, mudança de paradigma ou qualquer outro termo que te motivar. Pegue “a estrada menos percorrida” se você realmente quer alavancar um modelo de negócio existente ou uma indústria tradicional.

Agora é com você. Se você construir a sua startup com uma estratégia baseada apenas no que escrevi aqui, você estará contradizendo a regra cinco sobre ultrapassar limites. Tais dicas servem para estimular você a criar suas próprias estratégias ao invés de utilizar uma fórmula pronta que servirá para todos e qualquer cenário. Duas startups nunca percorrem o mesmo caminho.

Ao empreender, você poderá usar algumas desdtas dicas, mas se você quiser criar algo que o mundo não possa ignorar, faça de maneira original. Faça algo que não há nada parecido nos blogs hoje em dia. Se você realmente quer seguir os passos de Mark Cuban e Richard Branson, crie uma empresa que faça eles desejarem colocar algum dinheiro nela. E talvez eles irão.

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA