5 Lições do SEAL da Marinha Americana, David Goggins, sobre O Incrível Poder do Desconforto!

936

David Goggins SEAL

David Goggins é considerado por muitos como um dos caras mais cascas grossas do mundo. E isso não aconteceu por acaso.

Vindo de um ambiente familiar conturbado, sofrendo bullying diariamente na escola por ser a única criança negra, com sérios problemas de saúde e lutando contra a obesidade, Goggins sentiu que, se continuasse a viver dessa forma, ele nunca alcançaria nada relevante na sua vida.

Um dia ao chegar em casa do trabalho como dedetizador de baratas, Goggins ligou a televisão no Discovery Channel. Pesando 134kg, ele assistiu um programa que mudaria a sua vida para sempre.

David Goggins gordo
David Goggins chegou a pesar 134kg.

Na televisão, estava sendo transmitida a Hell Week – a Semana Infernal – a pior semana de treinamento dos SEALs da Marinha Americana, a tropa de elite dos Estados Unidos.

David Goggins viu os homens sofrendo de formas inimagináveis durante este treinamento. Eles saltavam de aviões, mergulhavam em mares infestados de tubarões, faziam barras, flexões, rastejavam na lama…

Muitos acabavam tocando o sino, o que significava desistir de ser um SEAL.

Goggins, completamente inspirado e decidido a mudar de vida, resolveu que faria de tudo para se tornar SEAL da Marinha Americana. Não queria ser mais obeso, não queria terminar a vida como  dedetizador de baratas. Não queria mais viver da maneira que anos antes, todas aquelas pessoas que faziam bullying com ele disseram que ele ia viver – sem alcançar nada, sendo um nada

.

Ele sabia que o caminho seria duro, penoso. Mas ele teve um insight naquele dia. Ele percebeu que para se tornar uma pessoa completamente oposta do que era, ele deveria fazer coisas opostas ao que fazia. E o que ele fazia? Sempre buscava o caminho mais fácil, sempre buscava conforto e prazer. Evitava o máximo que podia o sacrifício, a dor, as situações ruins. A sua casa estava suja e desarrumada, o seu preparo físico e a sua saúde era um fiasco, a sua vida profissional também não ia nada bem.

David Goggins no treinamento
David Goggins durante um treinamento militar.

Após anos de sacrifício, David Goggins finalmente conseguiu chegar aonde ele queria chegar. Até hoje, é o único militar americano que participou três vezes da Hell Week, tendo concluído a última com o tornozelo quebrado, envolvido por fitas do tipo silver tape para suportar a dor. Também é o único que concluiu três tipos de treinamentos dificílimos: o treinamento dos SEALs da Marinha Americana, a USA Ranger School e o treinamento de Controle Tático da Força Aérea (TACP). Além disso, ele é um dos maiores atletas de endurance de todos os tempos.

David Goggins no mar
David Goggins (a direita)

David bateu o recorde mundial de barra fixa em 2013, fazendo mais de 4.000 barras em menos de 24 horas. Completou também diversas corridas de 100 milhas, inclusive a famosa Ultramaratona Badwater, uma ultramaratona de 217 quilômetros que acontece no Vale da Morte nos Estados Unidos, onde apenas 100 pessoas entre 2.800 inscritos são aprovados para participarem, anualmente.

David Goggins ultramaratonista
David Goggins na ultramaratona Badwater. Ele correu para levantar fundos para as crianças que perderam os pais no Afeganistão e Iraque.

David Goggins correu diversas ultramaratonas tendo como objetivo levantar fundos para custear os estudos de crianças que perderam seus pais como soldados nas guerras.

Inclusive correu para levantar fundos para os filhos dos integrantes que morreram na missão de resgate/captura do líder da Al Qaeda no Afeganistão escrita no livro (e filme) O Grande Herói, por Marcus Luttrell.

Ele foi entrevistado no programa Impact Theory de Tom Bilyeu, onde deu diversas lições de como se tornar uma pessoa mais forte, com maior resiliência mental. Segue abaixo as lições de David Goggins:

1.Crie calos na sua mente

Você já deve ter percebido que quando se exercita com frequência, seja fazendo musculação, correndo, ou fazendo algum esporte, você adquire calos nas mãos e nos pés. O nosso corpo se adapta. A pele se torna mais grossa justamente para nos proteger, para não se machucar facilmente.

David Goggins chegou a conclusão que isso também acontece com o nosso cérebro. Ao se colocar em situações ruins, situações difíceis, o nosso cérebro também adquire “calos”. David se coloca em situações desconfortáveis todos os dias para adquirir esses calos, ou resiliência mental. Ele diz que treina fisicamente não só para evoluir fisicamente, mas também espiritualmente e mentalmente. Para suportar as diversas situações difíceis que aparecem ao longo da vida. Ele diz treinar para o caso de “receber um telefone de madrugada dizendo que sua mãe está morta”, e simplesmente não desmoronar e se descontrolar. Goggins acredita que todas as situações que ele viveu como SEAL e atleta lhe ajudaram a se transformar em um homem com maior resiliência e autocontrole.

2. Faça aquilo mesmo quando você não tem vontade de fazer

Goggins afirma que hoje em dia é muito fácil se destacar. Porque a geração atual é a geração mais mole de todas. É uma geração que não suporta fazer coisas ruins. Uma geração que não tem a força de vontade para fazer algo mesmo quando não se tem vontade de fazer. David Goggins alega que a geração atual não tem autodisciplina, e que se alguém tiver, essa pessoa não terá muita dificuldade em superar seus concorrentes.

3. Seja você, mesmo que isso signifique sentar na mesa que está vazia.

David disse que ao longo de muito tempo, quando estava no ensino médio, ele mentia para outras pessoas gostarem dele. Inventava casos e histórias para se encaixar em determinados grupos, se vestia de determinada maneira para criar uma sensação de identidade e, portanto, ser aceito. Mas quando ele voltava para a casa no fim do dia e se olhava no espelho, ele se sentia o ser humano mais patético do mundo. A sensação de mentir para si mesmo era péssima.

Então um dia ele decidiu que passaria a ser exatamente como ele queria ser, mesmo que isso significasse ficar sozinho. Não fez mais questão de se humilhar para sentar na mesa dos mais populares da escola. Um dia ele acabou sentando na mesa vazia, e o que aconteceu?

David Goggins percebeu que havia outras pessoas que sofriam do mesmo problema que ele, e essas pessoas começaram a sentar em sua mesa. E a sua mesa se transformou na mesa das pessoas que não eram aceitas nos grupos que já existiam na escola. E assim se formou outro grupo, um grupo onde as pessoas poderiam ser exatamente quem elas eram de verdade. E isso deu autoconfiança para David Goggins.

3. Ignore os críticos

David Goggins disse que perdeu muito tempo ouvindo o que as pessoas diziam sobre ele. As pessoas diziam que ele nunca alcançaria nada, que ele era e seria para sempre um fracassado. Isso acabou se tornando uma profecia, porque ele passou a acreditar nessas pessoas e acabou por se enveredar por este caminho que todos diziam ser o caminho que ele seguiria.

Então ele culpava essas pessoas pela péssima situação que se encontrava. Ele se sentia vítima. Se sentia vítima de seu pai, que era completamente abusivo, da sua mãe, que trabalhava tanto que não tinha tempo de lhe dar atenção. Se sentia vítima dos garotos que faziam bullying com ele, dos problemas de saúde, da sua obesidade, pelo fato de ser o único negro em uma escola de brancos.

Isso só mudou quando ele resolver ler o seu livro interior.

4. Leia o seu livro interior.

Goggins afirma que a maioria das pessoas passam pela vida tentando ser como as outras pessoas são. Elas lêem livros sobre personalidades e tentam imitar as suas características, imitam cantores, atores, famosos no Instagram…então as pessoas acabam passando a vida sem nunca iniciar a sua própria jornada.

Goggins afirma que todos nós escrevemos diariamente o nosso livro interior. O livro interior é uma espécie de diário. Como nós nos comportamos em determinado, o que fizemos certo e o que fizemos errado. Se você ler o seu livro interior, você vai poder se avaliar, corrigir erros, se aperfeiçoar. E para isso, você deve parar de ler o livro de outras pessoas e começar a ler o seu próprio livro todos os dias. E como fazer isso?

Se calando, indo para o seu quarto e ficando quieto. Refletindo. Pensando. Ignorando o celular, as redes sociais, a televisão. Analisando a sua própria vida, a trajetória que você está tomando. Só assim você vai poder tomar as rédeas do seu destino e, finalmente, iniciar a sua própria jornada.

5. Acredite em si mesmo, encontre a sua grandeza e inicie a sua própria jornada.

David Goggins afirma que todos nós temos a grandeza dentro de nós mesmos. Ser grandioso, segundo ele, não significa se tornar um SEAL da Marinha Americana, nem fazer 4000 barras ou correr ultramaratonas. Ele diz ser possível alcançar a grandeza em qualquer área que a sua mente sonha ser grande. Mas, para isso, você deve se voltar para o seu interior e buscar descobrir qual é o seu objetivo nessa terra. Ler o seu próprio livro e descobrir quais são as suas paixões e habilidades. Aonde você quer chegar. Somente a partir daí, você pode traçar estratégia para se tornar o melhor possível na área que você almeja ter sucesso.

E lembre-se: você só alcançará algo relevante se estiver disposto a fazer algo desconfortável todos os dias de sua vida.

Assista agora O Incrível Poder do Desconforto, com David Goggins!

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA